← Negócios Online

Venda de produtos online via revendedores

Lida 3736 vezes

Offline

Tony10000 
Membro
Mensagens 0 Gostos 0
Troféus totais: 3
Trófeus: (Ver todos)
Level 1 Second year Anniversary One year Anniversary

Olá!

Estou com uma dúvida a respeito de abrir uma loja online. Sou revendedor Avon, logo tenho algumas vendas, mas gostaria de ter muitas mais. Por essa razão, planeio abrir uma loja online, SEM domínio próprio, logo uma loja online gratuita. Será que me deveria colectar nas finanças por causa disto? É que isto não é necessário actualmente, visto que entrego os produtos às pessoas que a Avon me manda e não é necessário passar factura a essas pessoas. Mas não sei nada a respeito da loja online. Não sei se estaria a cometer uma ilegalidade. Li nalgum sítio que, se guardasse todas as facturas que revebo da Avon dos produtos que recebo, não faria mal, pois tinha prova de que os tinha comprado à Avon, mas nunca se sabe.

Obrigado!
Online

swing 
Membro
Mensagens 3126 Gostos 41
Feedback +13

Troféus totais: 32
Trófeus: (Ver todos)
Avatar Level 6 Linux User Mobile User Windows User Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 5

Se és revendedor não tens de passar factura aos clientes segundo o modelo da empresa: compras e entregas aos teus clientes.
Se vais vender online, a factura que a empresa passa em teu nome não serve para os teus clientes, e tens de abrir actividade e seres tu a facturar aos clientes.
O modelo é de venda por catálogo e não de vendas online, se queres vender online, tens de pagar os impostos como qualquer outra loja online ou física.
Offline

jof 
Membro
Mensagens 1117 Gostos 35
Feedback +45

Troféus totais: 34
Trófeus: (Ver todos)
Avatar Signature Tenth year Anniversary Level 6 Quick Poster Linux User Mobile User Windows User Super Combination Combination

Convém ter em atenção o seguinte, quem recebe o pagamento é o responsável pela entrega da respetiva fatura/recibo. Se o revendedor AVON compra o produto à AVON por 10€ e vende por 20€, logo o cliente paga 20€, quem vai faturar os 20€? e quem paga o respetivo imposto sobre o lucro?

Ainda que pareça existir pouca fiscalização, ela existe e convém ter atenção. Para ganharem uns trocos às vezes acabam por gastar bem mais...
Offline

kurtmix 
Membro
Mensagens 1895 Gostos 605
Feedback +4

Troféus totais: 28
Trófeus: (Ver todos)
Tenth year Anniversary Nineth year Anniversary Eighth year Anniversary Seventh year Anniversary Search Level 5 Windows User Super Combination Combination Topic Starter

Qualquer atividade económica implica a declaração de rendimentos à autoridade tributária, seja ela por catálogo, online ou loja. Isso de que ao vender direto não precisas passar fatura é uma ilegalidade, porque qualquer transação/pagamento requer um recibo e respetiva tributação. É certo que é algo considerado vulgar quem revende produtos de mão em mão desse tipo AVON, Oriflame, Yves rocher, etc não passarem faturas e recibos, mas na verdade é ilegal porque é uma atividade económica e se não passa recibos não paga imposto sobre esse rendimento e está sujeito a levar com a lei em cima.
Cuidado com a passagem para uma exposição nacional dessa atividade via loja online. Eu recomendo que faça as vendas em sites como olx, custojusto, etc que não tem tanto perigo. Mas o melhor mesmo se é que o rendimento é sustentável, é declarar tudo direitinho e estar legal, livre de suspeitas.