← Conversa Geral

Pirata passará 7 anos na cadeia

Lida 748 vezes

Offline

Master 
Membro
Mensagens 462 Gostos 0
Troféus totais: 25
Trófeus: (Ver todos)
Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1 100 Posts

Nathan Peterson, californiano de 26 anos e dono do site iBackups, que alegava vender cópias de segurança para proprietários de software, foi condenado a sete anos e três meses de prisão além do pagamento da indenização de US$ 5,4 milhões por pirataria.

Em 2003 o FBI foi alertado pela Software Information Industry Association pela possibilidade da venda ilegal promovida pelo site de Nathan Peterson. A denúncia levou ao fechamento do site e agora à prisão do responsável.

"Peterson disse que a maior parte dos softwares foram vendidos a consumidores finais, mas também vendeu a companhias e a pelo menos uma escola", comentou Sandy Boulton, diretor da Autodesk, que recomendou que o FBI e o departamento de justiça americano juntassem forças e também que os usuários comprassem software apenas de desenvolvedores ou de revendedores autorizados.

O homem, que se declarou culpado por pirataria, causou entre US$ 7 milhões e US$ 20 milhões de danos às empresas Adobe, Macromedia, Symantec e a Autodesk por conta das atividades ilegais da iBackups.

O pirata também teve contas bancárias e bens confiscados, entre eles um Mercury Coupe reformado de 1949 comprado inicialmente por US$ 44 mil; uma Dodge Ram, de 2005; um Chevrolet Crovette, de 2003; um Toyota Camry, de 2004; um Toyota Corolla, de 2005; e um Mercedes-Benz S-Class, de 2006, comprado por US$ 125 mil.
in Geek