← Conversa Geral

Uma coisa realmente engraçada...

Lida 966 vezes

Offline

myStoned 
Membro
Mensagens 663 Gostos 7
Feedback +2

Troféus totais: 29
Trófeus: (Ver todos)
Level 5 Tenth year Anniversary Nineth year Anniversary Mobile User Apple User Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes Poll Voter

Bom dia!

Hoje decidi criar esta thread e para dar início partilho o que acabei de ver. Uma coisa realmente engraçada, para mim, foi acabar de ver um artigo patrocinado da Google a promover o G+. Ainda me estou a rir, a sério.

E vocês, o que têm de engraçado para partilhar?

Cumprimentos.
Offline

raugusto 
Elite
Mensagens 3144 Gostos 33
Feedback +13

Troféus totais: 31
Trófeus: (Ver todos)
Level 6 Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2

não partilhaste o link do artigo...

Mas uma coisa identica foi quando o google.jp perdeu pagerank também devido aos links patrocinados.
Offline

Miguel Lucas 
Elite
Mensagens 3617 Gostos 13
Feedback +14

Troféus totais: 34
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Linux User Mobile User Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes Poll Voter Poll Starter Level 5

Bom dia!

Hoje decidi criar esta thread e para dar início partilho o que acabei de ver. Uma coisa realmente engraçada, para mim, foi acabar de ver um artigo patrocinado da Google a promover o G+. Ainda me estou a rir, a sério.

E vocês, o que têm de engraçado para partilhar?

Cumprimentos.

Também vi isso ontem
Offline

Nelson de Sousa 
Membro
Mensagens 833 Gostos 0
Feedback +5

Troféus totais: 27
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1

Não estou a ver qual o problema...  :-k A própria empresa é natural publicitar os seus próprios serviços...
Offline

raugusto 
Elite
Mensagens 3144 Gostos 33
Feedback +13

Troféus totais: 31
Trófeus: (Ver todos)
Level 6 Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2

não, se a publicidade que faz vai contra os principios que defende.