← Domínios

Liberalização dos domínios .pt

Lida 136605 vezes

Offline

unon 
Membro
Mensagens 175 Gostos 0
Feedback +8

Troféus totais: 20
Trófeus: (Ver todos)
Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 4 Level 3 Level 2 Level 1 100 Posts 50 Posts

"Atualmente, só os detentores de nomes, marcas ou denominações de empresas podem fazer o registo de endereços no domínio de topo que identifica os sites criados em Portugal. Conselho Geral da FCCN determinou hoje que, a partir de 1 de Maio, todos os utilizadores vão poder registar endereços de sites no domínio .pt, sem terem de fazer prova de que são proprietários de uma marca ou de uma denominação de empresa. E só os endereços que já estão registados ou que são manifestamente abusivos não poderão ser registados, apurou a Exame Informática junto da FCCN.

O Conselho Geral da FCCN também decidiu criar um período de “sunrise”, que facilitará o registo de endereços pelas marcas que ainda não o fizeram até à data. Este período de “sunrise”, que começa a 1 de Março, pretende «dar uma última oportunidade às empresas que ainda não registaram as suas marcas em .pt», explica Pedro Veiga, presidente da FCCN.

Com a liberalização do registo dos endereços terminados em .pt, a resolução de litígios em torno do registo de endereços que contêm marcas e denominações passa a ser feita a posteriori nos centros Arbitrare.  A fiscalização prévia passa a estar restringida a um primeiro rastreio feito pela FCCN, com o objetivo de impedir a publicação de termos abusivos (incitação à violência, à criminalidade, ou ao racismo, etc.).

Além de colocar Portugal a par das práticas correntes na esmagadora maioria dos países da UE, a liberalização dos endereços terminados com o sufixo .pt pretende dar um novo impulso a internet em Portugal. «Tenho a esperança de que, depois da liberalização, aumente o número de endereços registados em Portugal. Dou um exemplo: Hoje, há várias festas e romarias de aldeias portuguesas que registam endereços na Internet terminados em .com porque é mais fácil e menos burocrático. E também porque os portugueses nunca valorizaram muito os domínios terminados em .com.pt, que já estão liberalizados há 11 anos. Com a liberalização dos domínios .pt, sempre se evita a saída destes e de outros endereços e também de dinheiro para o estrangeiro», prevê Pedro Veiga."

Exame Informática


Finalmente...
Offline

Dub 
Membro
Mensagens 1335 Gostos 7
Feedback +8

Troféus totais: 29
Trófeus: (Ver todos)
Avatar Tenth year Anniversary Windows User Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes Poll Voter Level 5 Level 4

a ver se é desta
Offline

JoséCosta 
Membro
Mensagens 104 Gostos 0
Feedback +2

Troféus totais: 18
Trófeus: (Ver todos)
Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 3 Level 2 Level 1 100 Posts 50 Posts 10 Posts

Ainda não registei nenhum .pt.
Devo aproveitar esta oportunidade.
Offline

Luís Salvador 
Membro
Mensagens 2068 Gostos 37
Feedback +4

Troféus totais: 28
Trófeus: (Ver todos)
Apple User Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1

Talvez aproveite para registar 2 ou 3 : )
Offline

cjseven 
Administrador
Mensagens 1809 Gostos 26
Feedback +3

Troféus totais: 28
Trófeus: (Ver todos)
Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1 1000 Posts

ALELUIA!!!
Offline

svaros 
Membro
Mensagens 44 Gostos 0
Troféus totais: 16
Trófeus: (Ver todos)
Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 3 Level 2 Level 1 10 Posts First Post Karma

podem tirar me uma duvida sff, se registar um dominio neste caso .pt com o nome de uma marca, havera problemas certo?
 
Offline

cjseven 
Administrador
Mensagens 1809 Gostos 26
Feedback +3

Troféus totais: 28
Trófeus: (Ver todos)
Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1 1000 Posts

podem tirar me uma duvida sff, se registar um dominio neste caso .pt com o nome de uma marca, havera problemas certo?
 

Com a liberalização do registo dos endereços terminados em .pt, a resolução de litígios em torno do registo de endereços que contêm marcas e denominações passa a ser feita a posteriori nos centros Arbitrare.
Offline

svaros 
Membro
Mensagens 44 Gostos 0
Troféus totais: 16
Trófeus: (Ver todos)
Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 3 Level 2 Level 1 10 Posts First Post Karma

Offline

Jóni Oliveira 
Administrador
Mensagens 3427 Gostos 391
Feedback +28

Troféus totais: 35
Trófeus: (Ver todos)
Tenth year Anniversary Nineth year Anniversary Mobile User Apple User Level 6 Windows User Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes

Eu não gosto desta alteração, o .pt era uma forma de credibilização (pelo menos de alguém que investiu para o ter, criou uma empresa, registou uma marca, etc).
Agora vai começar a existir muito "lixo" com .pt e lá se foi a credibilidade.
Offline

NunoF 
Membro
Mensagens 257 Gostos 6
Feedback +7

Troféus totais: 21
Trófeus: (Ver todos)
Mobile User Apple User Linux User Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 3 Level 2 Level 1

Eu não gosto desta alteração, o .pt era uma forma de credibilização (pelo menos de alguém que investiu para o ter, criou uma empresa, registou uma marca, etc).
Agora vai começar a existir muito "lixo" com .pt e lá se foi a credibilidade.

Concordo. Também sou contra esta medida.
Offline

Celso Azevedo 
Membro
Mensagens 3500 Gostos 38
Feedback +12

Troféus totais: 30
Trófeus: (Ver todos)
Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1

Aposto que foi a troika que disse: "pá, têm que vender domínios para encaixar alguns euros" :lol:
Offline

asturmas 
Administrador
Mensagens 19734 Gostos 49
Feedback +2

Troféus totais: 39
Trófeus: (Ver todos)
Mobile User Windows User Super Combination Combination Topic Starter 100 Poll Votes 50 Poll Votes 10 Poll Votes Poll Voter Poll Starter

Muito sinceramente estou surpreendido e o caos vai-se instalar mas o que tem de ser tem de ser..
Offline

cjseven 
Administrador
Mensagens 1809 Gostos 26
Feedback +3

Troféus totais: 28
Trófeus: (Ver todos)
Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1 1000 Posts

Aceito o argumento da credibilização por parte dos que registaram domínios .pt até à data e foram obrigados a uma série de pressupostos para os ter.

Contudo sou favorável à liberalização. Ela pode trazer mais "lixo" mas também traz mais liberdade para aqueles que não têm marca ou não querem registar marca apenas para ter um domínio .pt - o que acontece com alguma frequência.

Quanto à credibilidade, a mesma deixará de estar encoberta pelo preconceito "se é .pt é credível" e passará a estar relacionada com o que deve estar: qualidade, veracidade, consistência, coerência, etc. Não faltam aí marcas e empresas com domínios .pt cuja credibilidade deixa muito a desejar.

Offline

Celso Azevedo 
Membro
Mensagens 3500 Gostos 38
Feedback +12

Troféus totais: 30
Trófeus: (Ver todos)
Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1

Concordo com o cjseven, será bom a liberalização dos domínios .pt. A credibilidade consegue-se através de muitas formas, o domínio .pt podia ser uma ajuda mas na minha opinião não é o mais importante.

E vale a pena lembrar que registar um domínio .pt não era também um bicho de sete cabeças... é mais complicado que um .com, mas qualquer pessoa acabava por poder comprar um. Muita gente usou artimanhas para conseguir registar a sua marca e ter o seu .pt...
Offline

Lord Paulus Cobris 
Membro
Mensagens 816 Gostos 9
Troféus totais: 29
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1

Concordo com o cjseven, será bom a liberalização dos domínios .pt. A credibilidade consegue-se através de muitas formas, o domínio .pt podia ser uma ajuda mas na minha opinião não é o mais importante.

E vale a pena lembrar que registar um domínio .pt não era também um bicho de sete cabeças... é mais complicado que um .com, mas qualquer pessoa acabava por poder comprar um. Muita gente usou artimanhas para conseguir registar a sua marca e ter o seu .pt...

Boas Celso...
Isso não é bem assim...

Foi assim ao inicio, com a capacidade limitada da DNS.pt de filtrar as condições...
No entanto isso depois mudou.

A credibilidade que se fala é a do domínio e não dos projectos...
Como em todo lado qualquer empresa pode ser gerida por ladrões...

Agora o que se fala aqui é do prestigio do domínio em questão.

Cumprimentos,

Paulo Eduardo