← Negócios Online

Nome pessoal VS nome comercial

Lida 6156 vezes

Offline

Jóni Oliveira 
Administrador
Mensagens 3427 Gostos 391
Feedback +28

Troféus totais: 35
Trófeus: (Ver todos)
Tenth year Anniversary Nineth year Anniversary Mobile User Apple User Level 6 Windows User Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes

Boa tarde +t.

Estou com certas dúvidas na forma como devo apresentar os meus serviços, diga-mos que tenho direito ao meu .pt (por ser ENI) e que talvez seja uma mais valia em termos de credibilidade (entre outras coisas que andam pela boca do mundo).

O meu maior problema é a associação do serviço ao nome, o tipo de serviços costuma-se associar mais a nomes comerciais e não sei até que ponto utilizar o meu próprio nome não me irá "reduzir" aos olhos de possíveis clientes.

Tendo em conta que os serviços passariam por:
Soluções chave na mão (sites, blogs, lojas online, etc)
Alojamento Web
Registo de Domínios
Gestão de projectos online
Etc.

Gostava de "ouvir" a vossa opinião.
Eu sei que é uma decisão pessoal, mas talvez umas boas opiniões me possam ajudar a decidir.

Obrigado
Offline

ruicruz 
Membro
Mensagens 1105 Gostos 0
Feedback +1

Troféus totais: 32
Trófeus: (Ver todos)
Apple User Level 6 Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Poll Starter Level 5 Level 4 Level 3

Vou-te dar um conselho:

Se morreres, os teus serviços não perduram.

Se formares empresa, os teus serviços perduram, podes ter sócios, e o nome passa a ser multigeracional (aka: de várias gerações).


Pensa nisso.


Rui
Offline

Nelson de Sousa 
Membro
Mensagens 833 Gostos 0
Feedback +5

Troféus totais: 27
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1

Muito original, sem dúvida. Ajudou o rapaz? Penso que não.

Bem, na minha humilde opinião, prefiro mandar fazer um trabalho a uma empresa/marca do que a apenas uma pessoa.

Se bem que existem excepções. Já vi e tenho conhecimento que o dono do PDL (bmfs, penso) faz templates. Já me mostraram 2 ou 3 (alguns amigos) e como vês ele representa-se como singular, não como empresa. E sem nunca ter contactado com ele, o nome ficou-me na cabeça (até pode estar errado, não sei bem, mas é +/- aquilo).

Depende depois da credibilidade que conseguires dar ao projecto. Se fores uma pessoa muito conhecida (positivamente), não teres problemas de privacidade, etc, acho que singularmente era bem pensado.

Podes também pensar no futuro, e agarro um pouco no tema que o Rui pegou. Se um dia tiveres muito trabalho e que sozinho não dês conta do recado, vais querer contratar pessoal, dar um passo mais largo. Aí ficaria muito melhor um nome comercial associado a uma empresa.

;)
Offline

Jóni Oliveira 
Administrador
Mensagens 3427 Gostos 391
Feedback +28

Troféus totais: 35
Trófeus: (Ver todos)
Tenth year Anniversary Nineth year Anniversary Mobile User Apple User Level 6 Windows User Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes

Obrigado pelas opiniões Rui e Nelson.

Ai está o que eu estava a falar Nelson, aquela parte do:
Citar
Bem, na minha humilde opinião, prefiro mandar fazer um trabalho a uma empresa/marca do que a apenas uma pessoa.

A mim, a marca dá me a sensação de algo maior, ainda ando a ver isto. Se optar pela marca vou bater umas horas contra a parede para arranjar um bom nome.
Offline

Nelson de Sousa 
Membro
Mensagens 833 Gostos 0
Feedback +5

Troféus totais: 27
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1

Sim, sem dúvida que também é muito importante um bom nome.

Mas toma atenção. Se fores muito bom singularmente, o teu nome pode ficar nas bocas do Mundo e aí é uma excelente situação. "É um excelente profissional", "Trabalha muito bem e rápido", "Cumpre sempre", etc.

Opto muitas vezes por empresas em vez de singulares porque não existem assim muitos. :)

Estuda o teu mercado!
Offline

ruicruz 
Membro
Mensagens 1105 Gostos 0
Feedback +1

Troféus totais: 32
Trófeus: (Ver todos)
Apple User Level 6 Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Poll Starter Level 5 Level 4 Level 3

Muito original, sem dúvida. Ajudou o rapaz? Penso que não.


O +t está em tolerância zero.

Keep it cool.


Rui
Offline

Nelson de Sousa 
Membro
Mensagens 833 Gostos 0
Feedback +5

Troféus totais: 27
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1

O +t está em tolerância zero.

Keep it cool.


Rui
Está em tolerância zero para pessoas que não sabem discutir e quando abrem a boca (bem, quando digitam qualquer coisa no teclado) em nada ajudam o a comunidade ou o autor do post.

Creio que a tua mensagem se engloba precisamente nesse tipo de mensagem que a administração quer ver daqui para fora.

Keep it cool, chega de  :offtopic:.
Offline

ruicruz 
Membro
Mensagens 1105 Gostos 0
Feedback +1

Troféus totais: 32
Trófeus: (Ver todos)
Apple User Level 6 Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Poll Starter Level 5 Level 4 Level 3

Está em tolerância zero para pessoas que não sabem discutir e quando abrem a boca (bem, quando digitam qualquer coisa no teclado) em nada ajudam o a comunidade ou o autor do post.

Creio que a tua mensagem se engloba precisamente nesse tipo de mensagem que a administração quer ver daqui para fora.

Keep it cool, chega de  :offtopic:.


Não tenho culpa que não saibas ler nas entrelinhas.

Para te ajudar - sim, porque eu ajudo, não critico - aqui tens um vídeo para ver:

Mais uma vez, depois dessa resposta fica claro que uma empresa tem muito mais potencial. A empresa tem mais negócio como a divisão em sócios por exemplo e gera mais dinheiro. É por isso que e mais caro abrir uma empresa, mas isso certamente que já sabes.

O nome pessoal está associado a dois pontos negativos:
- a pessoa morrer, aka "one job man" como dizem nos states
- a impossibilidade de divisão legal de lucros


E por último, gostava de te perguntar se a Esotérica, onde tens o teu site, fosse apenas um empresário em nome individual apenas com um nome se chegaria a uma das mais antigas empresas de Internet do mercado e se lhe irias comprar alojamento.

Alias, como isso é uma pergunta apenas para ti, gostava de perguntar a outros: abram o link das SPs, e vejam quantas usam o seu nome: http://forum.maistrafego.pt/index.php?board=97.0


Acho que fui claro, para quem quiser trocar ideias e ajudar, obviamente...


Rui

PS: Isto é exatamente igual à versão de 3 parágrafos que coloquei inicialmente. Go figure...
Offline

Jóni Oliveira 
Administrador
Mensagens 3427 Gostos 391
Feedback +28

Troféus totais: 35
Trófeus: (Ver todos)
Tenth year Anniversary Nineth year Anniversary Mobile User Apple User Level 6 Windows User Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes

Muito obrigado Nelson e Rui, pronto era aqui que queria chegar.
O nome limita-me mesmo vários caminhos, vou optar por um nome comercial.

Agora é conseguir um bom nome, que se distinga. (Parte mais complicada)

Cumprimentos
Offline

asturmas 
Administrador
Mensagens 19734 Gostos 49
Feedback +2

Troféus totais: 39
Trófeus: (Ver todos)
Mobile User Windows User Super Combination Combination Topic Starter 100 Poll Votes 50 Poll Votes 10 Poll Votes Poll Voter Poll Starter

Deixem-se por favor de tricas e provocações que não levam a lado nenhum!

No entanto concordo com o Rui, usar o nome pessoal a partida poderá limitar muito as coisas...
Offline

Jerson 
Elite
Mensagens 2401 Gostos 0
Troféus totais: 28
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2

Para tantos serviços o mais indicado é a criação de uma marca, não há que enganar.
Offline

Nelson de Sousa 
Membro
Mensagens 833 Gostos 0
Feedback +5

Troféus totais: 27
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1

Se morreres, os teus serviços não perduram.

Se formares empresa, os teus serviços perduram, podes ter sócios, e o nome passa a ser multigeracional (aka: de várias gerações).
Apenas deixei um referido que esta mensagem inicial não ajudou em nada.

E mais uma vez reforço que também sou apoiante das marcas/empresas. Aliás, referi isso. Prefiro contratar a uma marca do que a um singular. Embora que ser singular também tem outras coisas boas, como por exemplo (e dou + exemplos), exibição publica a outras marcas (possíveis contratações), etc. Como tudo há o bom e o mau em ambos os casos. É avaliar o que se adequa melhor ao mercado.

P.S: Não estava a "picardiar" de maneira nenhuma com o Rui. Até leio muita coisa do que ele escreve pela blogosfera portuguesa. Estávamos a discutir, a meu ver, amigavelmente, um tema até interessante. Pelo menos eu. Penso que ele também!

Edit: Ao reler o post, avivou-me a memória que o Asturmas afirmou que estamos a trocar insultos/provocações. Gostava de saber onde. Nem um nem outro. Criticámos de uma forma completamente normal e com justificações ambas plausíveis. Não vejo qualquer mal nisto.  =D>
Offline

marsupillami 
Equipa
Mensagens 850 Gostos 3
Feedback +1

Troféus totais: 28
Trófeus: (Ver todos)
Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1 500 Posts

Marca, julgo ser sempre importante ter (independentemente da forma como estás colectado).

Já a forma como prestas o serviço, julgo que dependerá do teu volume de negócios. Se estás a começar, julgo que deverias enveredar pelo ENI. Tens uma menor quantidade de impostos o que te permite um crescimento mais "descontraído".

Se realmente estás a pensar iniciar um negócio série, com capital para apostares nele (e não colocar 5000€ e retirar logo), então aposta na empresa.

Lembra-te que poderás sempre evoluir de ENI para Empresa com custos muito reduzidos. Já o inverso...

Se nunca descontaste e te colectares como ENI, então ainda obténs isenção de segurança social por 2 anos (???), o que representa um valor muito significativo. Poderás mesmo optar por uma contabilidade simplificada, o que representará novamente poupança (dependendo do negócio em questão).

Faz as contas, informa-te de todos os impostos associados a uma empresa, pois embora seja "barato" abri-la, não o é mantê-la.
Offline

ruicruz 
Membro
Mensagens 1105 Gostos 0
Feedback +1

Troféus totais: 32
Trófeus: (Ver todos)
Apple User Level 6 Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Poll Starter Level 5 Level 4 Level 3

Pst... acho que é um ano de isenção. A alternativa é trabalhar por conta de outrem a receber mais do ordenado mínimo, e aí fica isento enquanto trabalhar assim. :)


Rui
Offline

asturmas 
Administrador
Mensagens 19734 Gostos 49
Feedback +2

Troféus totais: 39
Trófeus: (Ver todos)
Mobile User Windows User Super Combination Combination Topic Starter 100 Poll Votes 50 Poll Votes 10 Poll Votes Poll Voter Poll Starter

Pst... acho que é um ano de isenção. A alternativa é trabalhar por conta de outrem a receber mais do ordenado mínimo, e aí fica isento enquanto trabalhar assim. :)


Rui
Exacto, é 1 ano, se trabalhares por conta de outrem não pagas pois já estas a descontar e não o vais fazer duas vezes..