← Conversa Geral

Desenvolvimento de Páginas - Ponto Chave

Lida 2468 vezes

Offline

mestreamateur 
Membro
Mensagens 671 Gostos 0
Feedback +1

Troféus totais: 27
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Poll Starter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2

Boas boas malta,

Tenho vindo a constatar que há muita malta que faz sites, empresas e tudo, que cobram rios de dinheiro por uma plataforma que é muito bonita mas muitas vezes pouco funcional, ou o contrario, muito funcional mas pouco bonita. Mas não vendem uma coisa chave e que acho que é o mais importante.

Garantir que o site sirva para alguma coisa... Ou seja, eu faço um site por encomenda, cobro o que quiser, mas depois entrego ao cliente e aquilo fica ao Deus Dará???

O que noto é que há muitos clientes a serem enganados, e gostava de chamar todos à atenção que isso não é de todo correcto, porque só mancham a nossa imagem.


O que acho que é justo é haver transparência nos factos, e um facto é que não basta ter um site super pomposo senão temos visitas no site. Para que é que ele serve???


O que sugiro é que quando entreguem algum projecto destes, entreguem também uma conta já configurada do Analytics, para que o cliente assim saiba duas coisas, uma - que existem estatísticas e a segunda - para que o cliente saiba ao certo quem por lá anda a visitar o seu site.


Isto era a primeira parte, o que sugiro também é que nos vossos orçamentos comecem a colocar uma componente de manutenção do site, e nessa componente estão englobadas os seguintes trabalhos:

- Optimização de SEO
- Dar a conhecer o site à web (inserção em directórios, contas de google e bing webmaster, redes sociais, etc)
- Garantir bom tráfego
- E claro, toda a manutenção que seja necessária.


Acho que isto é fundamental para todos os freelancers e empresas porque assim conseguimos explicar ao comum dos mortais que não basta ter um site, que é preciso ter visitas no mesmo.

Os preços desta manutenção são ao gosto de cada um e não é muito relevante aqui para o caso, simplesmente acho que é importante referir esta componente também que é mais uma a juntar ao desenvolvimento dos sites e ao design dos mesmos.

Fica aqui o meu contributo e que venham opiniões  :obrigado:
Offline

Luís Salvador 
Membro
Mensagens 2068 Gostos 37
Feedback +4

Troféus totais: 28
Trófeus: (Ver todos)
Apple User Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1

Eu normalmente costumo colocar o Analytics nos sites dos meus clientes, o sitemap no Google Webmaster, registo em alguns domínios e motores de busca, etc.

Quanto a redes sociais, já vai de cliente para cliente.

Também dou qualquer tipo de manutenção necessária.
Offline

Nuno 
Administrador
Mensagens 7780 Gostos 215
Feedback +2

Troféus totais: 42
Trófeus: (Ver todos)
100 Poll Votes Level 7 Search Mobile User Level 6 Super Combination Combination Topic Starter 50 Poll Votes 10 Poll Votes

A tua opinião é óptima, mas um bocado utópica. Se ás vezes já é difícil explicar, que por o site as corzinhas, ou cheios de efeitos glow, etc, é um autêntico erro, pode ser complicado. Quanto mais explicar o que é o analytics e as vantagens que ele pode trazer e ser aplicado num negócio online por exemplo.

Apesar de caber ao freelancer explicar e ajudar o cliente naquilo que é melhor para ele. Também não deve fazer mais do que é obrigado. Por isso há que saber medir o que se faz e como se faz. E claro, deixar o cliente satisfeito.

Offline

mestreamateur 
Membro
Mensagens 671 Gostos 0
Feedback +1

Troféus totais: 27
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Poll Starter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2

A tua opinião é óptima, mas um bocado utópica. Se ás vezes já é difícil explicar, que por o site as corzinhas, ou cheios de efeitos glow, etc, é um autêntico erro, pode ser complicado. Quanto mais explicar o que é o analytics e as vantagens que ele pode trazer e ser aplicado num negócio online por exemplo.

Apesar de caber ao freelancer explicar e ajudar o cliente naquilo que é melhor para ele. Também não deve fazer mais do que é obrigado. Por isso há que saber medir o que se faz e como se faz. E claro, deixar o cliente satisfeito.




Sim Nuno, cada caso é um caso. Mas noto é que há muitos clientes insatisfeitos porque não lhes foi explicada muita coisa.

Mas venham mais opiniões...
Offline

Jota 
Editor
Mensagens 773 Gostos 0
Feedback +1

Troféus totais: 27
Trófeus: (Ver todos)
Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1

"O que noto é que há muitos clientes a serem enganados, e gostava de chamar todos à atenção que isso não é de todo correcto, porque só mancham a nossa imagem."

Também existem muitos clientes que mancham a nossa imagem :) Com sugestões ridículas Já passou me um cliente por mim que eu nem quis por o meu nome no trabalho.

Concordo com o que o Nuno diz.

O que dizes esta correcto mas tudo depende do cliente e do seu orçamento/budget disponível

Grandes clientes e sites normalmente não é só uma companhia a fazer o site.

Já tive (a empresa para qual trabalho) clientes que nos só temos que fazer uma parte do site como por exemplo o sistema de vendas, mas não temos nada a ver com o design pois isso vem de outra empresa, não temos nada a ver com SEO pois isso já e outra empresa.

Eu acho que depende mesmo de muita coisa.

Por exemplo pequenos clientes podes ter é diferente orçamentos e o cliente que escolha o que quer, se calhar prefere pagar X só pelo site do que XX por SEO / tráfego etc..

Muitas vezes pequenos clientes preferem pagar o mínimo possível e apresentares um orçamento XX só porque achas que ele devia ter SEO/etc.. não é a melhor ideia.


... Outro ponto é quem te paga pelo o tempo que demoras a explicar a um cliente o que é SEO, porque é importante etc..
Offline

spec 
Elite
Mensagens 989 Gostos 1
Feedback +2

Troféus totais: 28
Trófeus: (Ver todos)
Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2 Level 1

O problema não é a falta de informação, os clientes compram aquilo que querem, são complicados, tem sempre um sobrinho qualquer que faz logotipos porreiros no Paint e páginas web no powerpoint (true story).

Hoje em dia são tão desconfiados que se me ponho a falar de Analytics, SEO e Manutenção pensam que são artimanhas para lhes cravar mais dinheiro. É complicado...

Hoje em dia um Freelancer inteligente ganha MUITO dinheiro a corrigir trabalhos e código de Freelancers amadores e incompetentes, por isso eles fazem falta à cadeia de trabalho da web.  :cool:
Offline

mestreamateur 
Membro
Mensagens 671 Gostos 0
Feedback +1

Troféus totais: 27
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Poll Starter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2

Bem não estava tanto a dizer que era para explicar o que é SEO. Basta dizeres no orçamento que é mais X se quiserem que garantas visitas.

Também não estava tanto a falar de grandes empresas, mas sim de pequenas empresas onde o cliente sabe que existe a Internet mas não sabe bem como tirar proveito da mesma.

Podemos reduzir o espectro, por exemplo para clientes de pequenas empresas em que os orçamentos vão até 2.000/2.500€ por site.

Estou a falar desses casos, em que se paga muito e depois anda o cliente todo chateado porque o site não lhe dá retorno. Digo isto, porque são muitos os exemplos que tenho, não é só um ou outro.
Offline

Jerson 
Elite
Mensagens 2401 Gostos 0
Troféus totais: 28
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2

Mas isso faz parte da sociedade em que vivemos, até aqui no Mais Tráfego temos exemplos disso. Quantas pessoas não oferecem aqui serviços sem sequer dominarem de forma decente as áreas em que trabalham? É um grande número e isso leva a que os potenciais clientes por vezes realizem negócios com essas pessoas e fiquem desiludidos com o resultado final.

É aquela síndrome dos Ídolos sabes? Todos querem fazer, acham que sabem fazer, por vezes as pessoas à volta encorajam-nos mas depois quando se vê bem, não percebem nada do que fazem. Por isso é que convêm ter cuidado e escolher bem as pessoas com quem se trabalha.
Offline

mestreamateur 
Membro
Mensagens 671 Gostos 0
Feedback +1

Troféus totais: 27
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Poll Starter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2

Mas isso faz parte da sociedade em que vivemos, até aqui no Mais Tráfego temos exemplos disso. Quantas pessoas não oferecem aqui serviços sem sequer dominarem de forma decente as áreas em que trabalham? É um grande número e isso leva a que os potenciais clientes por vezes realizem negócios com essas pessoas e fiquem desiludidos com o resultado final.

É aquela síndrome dos Ídolos sabes? Todos querem fazer, acham que sabem fazer, por vezes as pessoas à volta encorajam-nos mas depois quando se vê bem, não percebem nada do que fazem. Por isso é que convêm ter cuidado e escolher bem as pessoas com quem se trabalha.

Pois, por isso é que falei do Analytics. As estatísticas falam por si.  :grin:
Offline

rtbfreitas 
Equipa
Mensagens 1497 Gostos 9
Feedback +24

Troféus totais: 30
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Apple User Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes Poll Voter Poll Starter Level 5 Level 4

Estou a falar desses casos, em que se paga muito e depois anda o cliente todo chateado porque o site não lhe dá retorno. Digo isto, porque são muitos os exemplos que tenho, não é só um ou outro.

Esse,é na minha opinião, um dos principais problemas, mas muitas das vezes a culpa é dos clientes e não dos freelancers/empresas, uma vez que para os clientes basta ter o site online que as vendas ou visitas vão aparecer, quando todos sabemos que não é assim, e depois claro ficam descontentes.

Nós como profissionais temos de mostrar ao cliente que ter um negócio na internet requer investimento e trabalho continuo, não basta criar por exemplo uma loja online e esperar que as vendas comecem aparecer.
Offline

bonsempregos 
Membro
Mensagens 2008 Gostos 7
Feedback +3

Troféus totais: 29
Trófeus: (Ver todos)
Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes Poll Voter Poll Starter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2

Para terem uma ideia, eu conheço alguns dos principais "decisores/directores de vendas/marketing/product managers" (devido a actividades profissionais que tive no passado que não interessa para aqui agora) e ás vezes em jantares ou encontros nas férias quando calha a conversa da internet 90% deles não faz ideia de como funciona o marketing online, o que tentam fazer é adaptar o que sabem do offline ao online. Claro que a maioria das vezes não tem sucesso.
Offline

Jerson 
Elite
Mensagens 2401 Gostos 0
Troféus totais: 28
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes Poll Voter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2

Para terem uma ideia, eu conheço alguns dos principais "decisores/directores de vendas/marketing/product managers" (devido a actividades profissionais que tive no passado que não interessa para aqui agora) e ás vezes em jantares ou encontros nas férias quando calha a conversa da internet 90% deles não faz ideia de como funciona o marketing online, o que tentam fazer é adaptar o que sabem do offline ao online. Claro que a maioria das vezes não tem sucesso.

Sem dúvida, esse é um GRANDE problema que explica muitas asneiras que se fazem por aí.
Offline

Nuno 
Administrador
Mensagens 7780 Gostos 215
Feedback +2

Troféus totais: 42
Trófeus: (Ver todos)
100 Poll Votes Level 7 Search Mobile User Level 6 Super Combination Combination Topic Starter 50 Poll Votes 10 Poll Votes

Esses produtcs managers e etcs que falas, fazem-me rir.

Noutro dia numa reunião, eu como simples freelancer... Começamos a falar de blogs, e estavam lá dois boss managers wherever da empresa, e um deles vira-se para mim. Sabes é que esta é a minha área de especialidade a comunicação online e os blogs, etc...  E eu a pensar, olha-me este especialista... Se soubesses os zeros que estão a entrar na minha conta com blogs enquanto debitas disparates! Estavas era caladinho. Lá continuei a abanar a cabeça e a dizer-lhe pois é, pois é! lol!
Offline

Henrique Mouta 
Equipa
Mensagens 1189 Gostos 3
Troféus totais: 31
Trófeus: (Ver todos)
Level 6 Super Combination Combination Topic Starter 10 Poll Votes Poll Voter Poll Starter Level 5 Level 4 Level 3

Eu já tive uma situação em que me pediram para fazer um site de uma maneira completamente horrivel, sem acessibilidade, alterar pormenores e estraga-los tornando-os em pormaiores feios, etc.
Até que cheguei ao ponto que fiquei com vergonha de colocar qualquer referencia que tinha sido eu a fazer aquilo...
Depois o homem ainda teve a lata de me mostrar a merd* de um site, que um amigo de um sobrinho dele, ou lá quíe, tinha feito, em flash (um desses themes sacados na net) com uma apresentação antes de entrar no site em flash e pediu-me algo igual... Passei-me lol
Offline

mestreamateur 
Membro
Mensagens 671 Gostos 0
Feedback +1

Troféus totais: 27
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Super Combination Combination Topic Starter Poll Voter Poll Starter Level 5 Level 4 Level 3 Level 2

Eu tenho agora um exemplo em que tenho um amigo que encomendou um site a uma empresa qualquer.

Entretanto vi o site já feito, tudo em flash, só coisas lindas. Peguei no WebGrader meti lá o domínio dele e mostrei-lhe.

Estás a ver o teu site está classificado em 16 para o "Google" (a linguagem tem que ser mais ou menos esta), e ele para mim: isso é bom não é?,  e eu: nepia, isto é de 0 a 100...

Bem ele passou-se, tinha pago cerca de 1200€ por um site e aquilo estava muito em baixo de forma. Pediu-me para dar um jeito na coisa e a primeira coisa que fiz foi meter as estatísticas a bombar para saber ao certo como estava o site. Como era de esperar tinha taxas de rejeição na ordem das 96%.

Bem aqui a taxa de rejeição é enganadora, porque também só tinha 10 pessoas por dia no site.

Comecei a analisar os títulos, descrições e afins, e descobri que a o site para os motores de busca, basicamente tem uma página (conteúdo = zero, praticamente). A pessoa que fez o site, no código andou armada em SEO Expert e tinha colocado os nomes das imagens com as palavras chave, numa tentativa sabe-se lá do que...

Resumindo, confrontei-o com isto tudo e basicamente ele disse-lhe, eu milagres não faço e muito menos vou andar a mexer no trabalho de outra pessoa, como fazer outro site está fora de questão, porque não me vais pagar mais 1200€. A tua solução é apertares com quem te fez isso e depois logo dou um jeito em termos de SEO.


Este é um exemplo, mas tenho mais...  :superlol: :superlol: :superlol: