← Conversa Geral

Web 2.0 o passado, presente e o futuro...

Lida 1642 vezes

Offline

rt4ever 
Membro
Mensagens 10 Gostos 0
Troféus totais: 21
Trófeus: (Ver todos)
Windows User Super Combination Combination Topic Starter Level 4 Level 3 Level 2 Level 1 10 Posts First Post

Perspectiva Histórica

Quando olhamos para a Web há 10 anos atrás, vimos que os sites eram compostos apenas por páginas estáticas ou aplicações para e-commerce. As empresas que tinham sites na Web com interface consumidor, podiam conectar--se com consumidores experientes na Internet e usar os sites como canais de comunicação com o mercado e de venda dos seus produtos.
Na ultima década e com o enorme desenvolvimento que se verificou, a Web tornou-se o destino de comunidades de usuários para criar e compartilhar dados, como músicas, imagens, vídeos e para discutir e avaliar esse conteúdo.


O Conceito


A Web 2.0 ganhou o nome e a “forma” num artigo datado de Setembro de 2005, escrito por Tim O’Reilly que discutia o tema ainda embrionariamente. Neste artigo Tim definia a Web 2.0 assim:
"Web 2.0 é a mudança para uma internet como plataforma, entendendo as regras para ter sucesso nesta nova plataforma. Entre outras, a regra mais importante é desenvolver aplicações que aproveitem os efeitos de rede para se tornarem melhores quanto mais usados forem pelas pessoas, aproveitando a inteligência colectiva".

Em resumo, a Web 2.0 é a habilidade de usar a Web para escrever e ler conteúdo complexo, permitindo a interacção das pessoas com a Web. Representando uma mudança fundamental na forma com que as pessoas interagem com o conteúdo. Na nova Web os utilizadores já não são apenas consumidores dos conteúdos ou das aplicações, criam conteúdo e interagem com os vários serviços e pessoas.


Ferramentas Web 2.0


A chegada da segunda geração da Web só foi possível graças a algumas novas tecnologias que permitem facilitar, simplificar e no geral dar uma experiência ao utilizador. Alguns exemplos dessas tecnologias, são explicadas a seguir.
•   O XML (eXtensible Markup Language), é uma linguagem de anotação geral que pode ser usada por si só ou definir outras linguagens. É facilmente legível, e isso torna mais fácil a partilha de informação entre sistemas diferentes.
•   O AJAX (Asynchronous Javascript And XML) permite tornar as aplicações Web mais próximas em comportamento e aparência das aplicações, que utilizamos no nosso computador. No geral permite melhorar a experiência online do utilizador.
•   O RSS (Really Simple Syndication) é especificado sobre o XML. É útil para qualquer tipo de informação que é actualizada frequentemente. É disponibilizado um ficheiro RSS com essa informação e depois pode-se usar um leitor de RSS (programa específico para o efeito) para verificar as alterações mais recentes. A diferença entre usar este tipo de programas e um browser, é que desta forma apenas recebemos a informação que queremos.
•   Os Web Services são um conjunto de tecnologias que permitem troca de mensagens entre máquinas através da Web. Esta tecnologia permite que diferentes sistemas troquem informações através de mensagens em XML.


Utilização Actual


A Web 2.0 veio revolucionar a forma como cada utilizador pode interagir com os sites. Actualmente existem inúmeros exemplos de ferramentas Web 2.0, como por exemplo:
•   Blogs – Inicialmente não eram mais do que diários online. Hoje em dia os conteúdos são mais diversos, podemos encontrar blogs de noticias, artigos de opinião pessoal, entre muitos outros assuntos.
•   Wikis – São sites facilmente editáveis através do próprio site. São normalmente utilizados publicamente para partilha de conhecimentos.
•   Sites Sociais – São sites em que cada utilizador possui um perfil  que o descreve, aos seus gostos e hábitos pessoais. O principal objectivo é dar-se a conhecer e fazer novos amigos.
•   Bookmarking Social – É um catálogo e partilha online de ligações a outros sites favoritos. Torna mais fáceis as buscas por determinados sites através de termos descritivos ou categorias.
•   Vídeos e Fotos – Fácil publicação e partilha de fotos online. Permitem uma gestão fácil de álbuns de fotografias, bem como possuem sistemas de ranking em que se escolhem os vídeos e as fotos mais populares.
•   Substituição de aplicações offline – Existe ainda outro tipo de ferramentas, que têm um objectivo diferente, possibilitando a substituição de aplicações que normalmente são instaladas no computador. Permitindo assim serem usadas online, via Web Browser. Algumas destas ferramentas permitem também a edição partilhada de documentos.


Benefícios

O principal benefício da Web 2.0 é a facilidade de criação de conteúdos online. Juntamente com este benefício, temos uma melhor categorização de conteúdos, o que leva a que seja muito mais fácil encontrar a informação que pretendemos.
Uma das maiores vantagens da Web 2.0 é a partilha de conteúdos. Actualmente é muito mais fácil a partilha de conteúdos, pois normalmente as ferramentas que permitem a criação destes, permitem também a partilha imediata, o que reduz o tempo e as aplicações usadas para tal. 
Outra grande vantagem, é que como todas estas ferramentas são online, podemos usa-las em qualquer computador, com acesso a internet, evitando assim, algumas vezes, que tenhamos de levar uma pen ou um computador portátil, para executar certas tarefas, quando há necessidade de deslocação para outros sítios.


No Futuro... Web 3.0 ?

Apesar da Web 2.0 ainda ser algo recente, e ainda não ter sido descoberta por muitos utilizadores, já se fala nas tecnologias que vão constituir a próxima geração, aquilo a que podemos chamar de Web 3.0. Esta estima-se que seja, num período de cinco a dez anos, a terceira geração da Internet.
A WEB 3.0 pretende ser a organização e o uso de todos os recursos e conteúdos já disponíveis na Internet, de uma forma mais  inteligente.
Dito de uma forma geral, podemos definir a Web 3.0, como a Web semântica, ou seja, a Web que passa a dar sentido aos dados. Sistemas que conseguirão não só apresentar dados ou informações, mas dar contexto a esses dados.
Em curtas palavras, pode-se dizer, que os sistemas inteligentes e dados que descrevem outros dados, é a Web 3.0.







Escrevi este artigo, com base em alguns sites que fui pesquisando para aprofundar os meus conhecimentos sobre este tema.
Espero que este post possa ser útil de alguma maneira #-o