Mensagens - kurtmix

Páginas: [1] 2 3 ... 130
1
Conversa Geral / Re: Fornecedores de revenda
« em: Hoje às 19:59 »
Isso é daquela roupa chinesa que tem com as costuras sem acabar, mangas desniveladas e umas mais compridas que outras, as medidas não correspondem com os tamanhos assinalados, etc.
Mais vale nem vender isso, nem sequer comprar.

2
Isso que vês no kuantokusta são margens de 1% a 10% na maioria dos casos, são produtos chamariz com margens de lucro baixas.
Os fornecedores até podem ser os mesmos que tens, mas se comprarem em determinadas condições (promoções, quantidades, packs) pode permitir-se vender a preço igual ou inferior que o fornecedor vende em tabela normal.

Esse é um nicho com bastante concorrência e com margens de lucro cada vez mais baixas, terás que ter isso em conta. Normalmente o segredo maior é comprar por quantidades que podes obter descontos maiores e também considerar que nenhum fornecedor vai ter o melhor preço em tudo, isso é impossível. Deves optar por comprar cada tipo de produto ao que te oferece melhores condições.

3
Conversa Geral / Re: IDEIA NOVA PRECISO DE AJUDA.
« em: 06/Dez/2017 14:42 »
Já andei a ver no YouTube e a pesquisar apenas decidi vir pedir opiniões a quem percebe mais disto
Se leste o que escrevi não precisavas de perguntar, porque eu disse que existem máquinas para cada tipo de produto, como é lógico se forem materiais diferentes e formas diferentes tem que sem um molde diferente.
Quando as pessoas se prestam a responder aqui às questões colocadas, devem ser respeitadas ao ponto de a pessoa que perguntou, ler com atenção as respostas dadas. Depois de ler com atenção é só fazer um pouco de pesquisa de mercado.
Existem em Portugal várias empresas que fazem trabalhos de sublimação personalizados, com fotos das pessoas, nomes ou desenhos. Isso existe há muitos anos e na perspectiva de  negócio tem que ser sempre feito um estudo de mercado para ter certezas, ou então arriscar e tentar.

4
Conversa Geral / Re: IDEIA NOVA PRECISO DE AJUDA.
« em: 05/Dez/2017 22:56 »
Existem máquinas à venda para isso, basta pesquisar por sublimação. Nesse tipo de máquinas basta imprimir o desenho num papel especial, meter na máquina que aquece e imprime o desenho em pano ou noutro material dependendo da máquina.
No Brasil está bastante implementado esse tipo de micro-negócio, por cá não sei bem.

5
As vendas de artigos usados não requerem pagamento de impostos se forem simples actos isolados. Então pergunta e como é isso calculado? Existe um valor estabelecido ou tabelado a partir do qual se trata de ato não isolado?
Na prática não, mas existe um fator que é tido em conta que é calculado com base nos rendimentos da pessoa. Neste caso se o valor das vendas de artigos usados representar uma renda superior a 50% (julgo que é esse o valor mas não tenho a certeza) dos rendimentos da pessoa, é considerada uma atividade om fins lucrativos. Da mesma forma se o negócio for comprar para vender já exige deter um documento da aquisição (para evitar comércio de artigos roubados) e determinados tipos de produtos tem leis próprias a serem seguidas.
Contudo tenho a salientar que para vendas comuns de artigos usados raramente as autoridades intervém. Já nos artigos novos, uma simples queixa de um cliente pode desenvolver uma investigação/inspeção que pode acarretar muitos problemas.

6
Bom dia a todos,

Descobri este fórum por acaso precisamente a pesquisar sobre o tópico que aqui escrevi.

A pergunta é muito simples: Como é que posso Vender alguma coisa de modo 100% LEGAL no OLX – e em Outras Plataformas Semelhantes?

Vejo várias respostas espalhadas na Internet - todas "mais ou menos" ambíguas, nenhuma estruturada e concisa e que Eu próprio entenda a 100%.

Parece que é preciso ser um Einstein para entender isto.

Assim sendo:

1. É obrigatório ter Empresa constituida para vender coisas em plataformas tipo OLX a partir de certo valor?
2. É possível vender de "modo amador" e a partir de "x" valores é que sou obrigado a constituir Empresa?
3. Tenho de mostrar sempre a factura de compra inicial para compras de 1º mão? Exemplo, se compro na China, ao vender esse produto cá a alguém tenho de dar a essa pessoa a factura da minha compra do Produto na China?
4. Se eu vender artigos em 2º mão, preciso de ter Empresa constituída ou posso fazer "vendas amadoras"?

Aguardo respostas!

Cumprimentos.


Não é nada de complicado, eu passo a explicar em poucas palavras e fácil de entender:
1º Qualquer atividade comercial tem que ser declarada ao fisco, seja numa loja ou num site de anúncios.
2º Existem leis de protecção ao consumidor que são para cumprir.
3º Para declarar os lucros das vendas não precisa de empresa, mas sempre de estar registado nas finanças da forma que mais lhe convém.
4º Não existe modo amador, qualquer pessoa que vende sem estar a declarar está fora da lei.
5º As faturas de compra não são mostradas ao cliente, para ele terá que emitir uma fatura de venda com o valor da venda.
6º As vendas de de artigos usados feita por particulares não requer pagamento de impostos se forem vendas esporádicas, ou seja, se não for feito um volume de vendas que seja considerado uma parte avultada dos rendimentos da pessoa.

A forma mais fácil de legalizar é fazer uma colecta nas finanças como ENI em regime simplificado, se o volume de vendas não ultrapassa os 10000€ não terá que pagar IVA.

7
Geral / Re: Criar Site de Emprego - Vale a pena?
« em: 30/Nov/2017 12:18 »
A opinião de todos é livre, e existem opiniões divergentes por pontos de vista divergentes. O que é certo é que o spykerGM tem a sua parte de razão porque há pessoas que querem entrar em projectos sem ter uma base de conhecimentos, nem dinheiro para pagar a quem os tenha para fazer o trabalho (alguns não tem dinheiro e outros não querem gastar).
Nos tempos que correm vemos muita gente a querer entrar no ramo dos sites a pensar "vou ganhar umas massas com isto sem trabalho nenhum" e é uma ideia errada.
Qualquer projecto deve aportar algo ao público alvo, requer uma análise, um estudo de mercado/concorrência, organização, planificação, trabalho, adaptação após a implementação, divulgação,etc.

Perguntar se vale ou não a pena é quase uma pergunta para 1 milhão de euros... :D  Isto porque depende sempre como é implementado e da forma como é gerido.
TUDO é possível na internet, se tentarem e falharem fica a experiência que também conta.

8
Esse domínio já sofreu vários redirects e está sem usar à muito tempo. Por isso, além de estar associado negativamente a streaming de conteúdos protegidos por lei, já foi "spameado" por vários meses e já perdeu grande parte da sua popularidade com o passar dos anos, não sendo a meu ver um bom investimento.
Mas cada um investe no que quer.
Cumpts

9
Alojamento Web e Servidores / Re: Servidor VPS
« em: 30/Set/2017 21:10 »
Vale lembrar que acho que os VPSs mencionados não são geridos pelo hosting, logo o suporte gratuito será sempre limitado a se o serviço está online ou não.

O resto em termos de meter tudo a funcionar, configurar, gerir e outras responsabilidades fica a teu cargo, se forem mesmo todos sem gestão.

Eu prefiro pagar mais por um bom servidor Cloud e saber que tenho pessoas a cuidar do meu server e que sabem o que fazer nas mais diversas situações.
Quem não tenha conhecimentos médios de gestão de vps é a melhor opção.

10
Eu envio emails e nunca obtenho resposta...
Vou comentar como?
Sabes quantos meses já tem após?
Primeiro dizias que ele tinha problemas e não podia pagar, agora de repente já vai pagar tudo?
A mim só me enviou e-mails com promessas e dinheiro nada...
E além do mais, só vim perguntar se já tinham notícias dele...
Quando dizes "Lol Ao final deste tempo acham ainda que ele vai pagar?"achas que é uma pergunta que aporta algo aqui? Só abri este tópico para chamar a atenção das pessoas "lesadas" pelo Jorge, para reunir pessoas, não adianta nada estar aqui a comentar nem fazer perguntas, principalmente se forem perguntas destas.
Há pessoas que não acreditam, mas eu acredito que vou recuperar o dinheiro e vou fazer tudo para lhe dar uma lição.

11
Eu não sou dos afetados e não sei se o @jonikane é um deles mas ao que me faz entender, mesmo que seja, não é quem a atitude de "Então que faça um plano de pagamento mensal com todos" que vai receber o dinheiro de volta.

É do seu interesse receber, não é do dele pagar.

E depois parece que falta motivação para seguir com algo mais a sério para a frente como parece ser a intenção do kurtmix.

Resumidamente, para quem está com dívidas em relação a esse sujeito, se não tomam uma atitude, mas vale nem passarem mais 1 segundo sequer a pensar neste dinheiro porque tem 0% chance de o ver novamente.

Estou de acordo.

Lol Ao final deste tempo acham ainda que ele vai pagar?
Acho que é melhor deixares de comentar dessa forma que de nada serve. Eu já recuperei cerca de 30% do montante que ele me devia, podes acreditar que não vou desistir e ele vai pagar tudo. Mas no teu caso deixa-te ficar quieto porque se não é para ajudar não vale a pena comentar nem fazer perguntas retóricas que de nada servem. Vir fazer perguntas destas não aquece nem arrefece, apenas especulas...
Agradeço que quem tenha interesse em resolver e ainda não me contactou, que o faça. Tudo o resto é perder tempo.

12
Negócios Online / Re: WOOCOMMERCE ou PRESTASHOP
« em: 22/Set/2017 21:20 »
Ficas bem servido com Woo. Não deixes que os comentários te assustem.
A minha intenção não é assustar mas sim recomendar com base na minha experiência e com vista no futuro. Para lançar uma loja não é preciso muito, mas existem fatores que se vão alterando com a evolução da loja.

13
Negócios Online / Re: WOOCOMMERCE ou PRESTASHOP
« em: 22/Set/2017 10:54 »
Se a loja é para poucos produtos e queres destacar esses produtos nos motores de pesquisa o woocommerce é vantajoso a nível de seo por ter de fundo uma boa base de funcionamento, mas se for para ter um leque de produtos mais alargado não é recomendado porque se torna muito lento e consome muitos recursos (isto tendo em conta que terás instalados diversos plugins de funcionalidades e melhoras).
O prestashop, magento e opencart são outras opções boas, o melhor é analisar cada uma para ver qual se adapta melhor ao que precisas.
Todas as plataformas em pleno funcionamento precisam de bastantes recursos de alojamento, a nível de processamento, de RAM, de entradas sql, etc. Muitos alojamentos ditos ilimitados tem ocultas limitações neste tipo de recursos, por isso é melhor escolher com cautela.
Boa sorte para o projeto.

14
Nunca mais apareceu em lado nenhum, nem deu sinal de vida. Como sabem se vai pagar?
Ele anda por aqui mas com outro nick.
Não deu sinal de vida a ti mas eu tenho falado com ele e tenho reunida muita informação sobre ele e sobre a família dele.
O grande problema é que continuam as promessas de que vai pagar tudo, mas não se vêem resultados. Ele continua a dizer que vai pagar e que não tem meios para o fazer, mas quando há vontade tudo se consegue.

15
Cheguei recentemente das minhas férias que foram mais longas do que esperava, de forma forçada, mas já estou no operativo. Continuo com a ideia de agir para recuperar o dinheiro, de alguma forma se tem que proceder.
Eu só ainda não consegui juntar lesados suficientes para chegar aos valores ideais para agir.
Se mais alguém tiver dinheiro a receber dele que me contacte.

Páginas: [1] 2 3 ... 130